Rate this item
(1 Vote)
CIA VILA2
Posto turismo de Faro 2 1250x596
CIA VILA
CIA VELA3
CIA VILA4
CIA VILA5
CIA VILA6
CIA VILA7
CIA VILA8

Informação

Cliente:Centro Interpretativo do arco da vila

Morada:Rua da Misericórdia,8000-269 Faro

Gps:37.014628,-7.937099

Contacto:289 870 829

horário:Seg - Dom 9:00 - 18h00

Email:Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Site:http://www.cm-faro.pt/menu/939/centro-interpretativo-do-arco-da-vila.aspx

A sua visita proporciona a descoberta de um monumento de valor patrimonial inestimável, bem como a vista única proporcionada sobre a Vila-Adentro e a Ria Formosa. Este espaço museológico é o elemento central da história farense, através da sua visita dá-se a conhecer o nascimento da cidade, o seu renascimento após o terramoto, quem o encomendou, quem o arquitetou e projetou; o estilo artístico, as suas especificidades, não esquecendo, porém o património imaterial a ele associado. O Arco da Vila, construído sobre uma das antigas entradas da cidade na época islâmica (século XI), é um portal monumental onde figura, num nicho, São Tomás de Aquino – padroeiro da cidade. A obra, inaugurada a 25 de outubro de 1812, promoveu a cidade enquanto Sede do Bispado e teve como propósito a sacralização da Vila Adentro valorizando a, então, Praça da Rainha, atual Jardim Manuel Bívar. Reveste-se, também, de um simbolismo político-religioso do ‘mandato’ do encomendador, enquanto única obra civil do seu bispado. A edificação do Arco da Vila, em conjunto com a remodelação da fachada do Hospital e Igreja da Misericórdia, cria uma nova praça com vista para a Ria, numa intervenção não só arquitetónica, mas também urbanística. Classificado de Monumento Nacional por Decreto de 16-06-1910, DG n.º 136, de 23-06-1910, marca a entrada da Vila Adentro, núcleo urbano da génese da cidade, constitui um dos mais representativos exemplares do Neoclassicismo no Algarve e é um dos ex-libris de Faro.O Arco da Vila, construído sobre uma das antigas entradas da cidade na época islâmica (século XI), é um portal monumental onde figura, num nicho, São Tomás de Aquino – padroeiro da cidade. A obra, inaugurada a 25 de outubro de 1812, promoveu a cidade enquanto Sede do Bispado e teve como propósito a sacralização da Vila Adentro valorizando a, então, Praça da Rainha, atual Jardim Manuel Bívar. Reveste-se, também, de um simbolismo político-religioso do ‘mandato’ do encomendador, enquanto única obra civil do seu bispado. Descubra o Arco da Vila, descubra as suas gentes! Aguardamos a sua visita.

*Imagens: Barlavento.pt